Brasil bate recordes de exportação de etanol

Os níveis de exportação do etanol de setembro a novembro mais que duplicaram frente ao registrado no mesmo período de 2010 e 2011 sem grandes impactos no custo da logística agroindustrial. As boas vendas brasileiras e, portanto, a boa notícia para o setor sucroenergético nacional, aconteceu devido à quebra de safra de milho nos EUA, que usa o grão como matéria-prima para produção do biocombustível. Foram exportados 1,05 bilhão de litros no período este ano contra 416,95 milhões de litros em 2010 e 539,44 milhões de litros em 2011.

A análise faz parte do boletim mensal de novembro do Esalq- LOG, Grupo de Pesquisa e Extensão em Logística Agroindustrial da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz da USP.

O principal problema que atingiu o setor em setembro foi a indisponibilidade de veículos, fazendo com que grande parte dos embarcadores elevasse o valor do frete de etanol a patamares superiores aos programados a fim de atrair veículos para o cumprimento dos contratos.

Fonte: Agrolink