Campo Grande sedia evento de pecuária orgânica

Na próxima sexta (15), Campo Grande (MS) sedia o Seminário “A segurança alimentar do produtor ao consumidor e o acesso aos mercados internacionais” que trará palestras sobre pecuária orgânica. O evento, realizado na sede da Federação de Agricultura e Pecuária de MS (Famasul), é promovido pela A Associação Brasileira de Produtores Orgânicos (ABPO) e as palestras acontecem das 9 às 12 horas, com entrada franca.

Em Mato Grosso do Sul, a pecuária orgânica é desenvolvida em 18 propriedades que abrangem uma área de 115 mil hectares. São 60 mil cabeças de gado e a maior parte do rebanho está localizado no Pantanal. A pecuária orgânica possui certificação e tem seu processo associado a baixos impactos ambientais, garantindo a manutenção do meio ambiente e preservação da cultura do homem pantaneiro.

Algumas inovações trazidas pela pecuária orgânica já são utilizadas pela pecuária comum, como o uso de sombreamento das pastagens e currais em formato circular para que o gado não se machuque. O gado orgânico é tratado com produtos fitoterápicos e homeopáticos. As propriedades que desenvolvem esse tipo de produção têm ainda a preocupação pela lotação correta dos animais no pasto e descanso do solo para reposição de nutrientes.

O Seminário “A segurança alimentar do produtor ao consumidor e o acesso aos mercados internacionais” acontece no dia 15, a partir das 9 horas, com entrada franca, no auditório da Famasul, na Rua Marcino dos Santos, 401.

Confira as palestras do seminário:

•          Instituto G. Caporale e Mato Grosso do Sul: uma história positiva – Dra. Rossella Lelli

•          A segurança alimentar, uma prioridade mundial. Diretrizes e regras para o acesso aos mercados – Dr. Alberto Mancuso.

•          O Brasil e a Europa, as oportunidades e vínculos – Dr. Giacomo Migliorati.

Fonte: Sato Comunicação