Carne bovina subiu mais no atacado que no varejo

No varejo paulista, a carne bovina sem osso teve alta de 0,4% em sete dias, considerando a média de todos os cortes pesquisados. Os cortes de dianteiro puxaram o mercado, com valorização de 0,9%, em média. O maior consumo no início de mês favoreceu a alta.

No mercado atacadista de carne sem osso houve valorização de 1,8% no mesmo período. Foi a maior alta semanal verificada desde setembro do ano passado. A menor valorização em relação ao atacado mostra que a demanda, embora melhor, não absorveu integralmente a alta no elo anterior. O cenário estreitou a margem de comercialização do varejo na semana.

Fonte: Scot Consultoria