Com sistema coletivo, MS embarca ovinos para abate em São Paulo ovinos

Mato Grosso do Sul embarca na próxima quarta-feira (26) cerca de 170 ovinos para abate no frigorífico Marfrig, do município Promissão, São Paulo. Esse será o segundo embarque de ovinos pelo sistema denominado Propriedade de Descanso de Ovinos para Abate (PDOA), criado para facilitar o escoamento para as indústrias frigoríficas.

Idealizado por um conjunto de entidades para desenvolver a cadeia produtiva de ovinos no Estado, o sistema reúne em um mesmo local ovinos de vários produtores, viabilizando o encaminhamento para o abate. Em seu primeiro embarque, na fase piloto, reuniu 100 cordeiros destinados à indústria de Mato Grosso do Sul. Atualmente, está em funcionamento uma propriedade de descanso em Campo grande, mas o objetivo do projeto é estruturar outras pelo interior, baseando-se nas demandas dos produtores e dos sindicatos rurais.

Segundo o médico veterinário da Federação da Agricultura e Pecuária (Sistema Famasul), Horácio Tinoco, a criação da PDOA traz o estímulo que falta ao ovinocultor e contribui para organizar o setor. “É mais vantajoso reunir os animais em uma propriedade de descanso, onde o frigorífico irá embarcar os animais e encaminhá-los para abate. Isso facilita a logística e torna os preços mais atrativos para o produtor”, avalia.

Nesse segundo embarque, a PDOA reunirá animais de duas propriedades de Campo Grande e uma de Sidrolândia. “Esse será o primeiro embarque para um frigorífico de São Paulo. Na fase piloto reunimos animais de quatro municípios, mas comercializamos aqui no Mato Grosso do Sul”, afirma Tinoco.

A iniciativa da propriedade de descanso é do Sistema Famasul, junto a Superintendência Federal da Agricultura (SFA/MS), Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro), Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz/MS), Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo (Seprotur), Câmara Setorial da Ovinocultura e a Associação Sul-mato-grossense de Criadores de Ovinos.

Fonte: Assessoria de Imprensa Sistema Famasul