Famasul propõe criação de políticas públicas em favor dos indígenas

Sempre estivemos abertos para o relacionamento franco e direto com a população indígena e somos favoráveis a ações que tragam qualidade de vida a essas comunidades. A afirmação é do presidente da comissão de agroenergia da Federação da Agricultura e Pecuária de MS (Sistema Famasul), Luís Alberto Moraes Novaes, durante a mesa-redonda “Sucroenergia com desenvolvimento sustentável e ética: respeito ao meio ambiente e às comunidades indígenas”, realizada na Assembleia Legislativa, nessa segunda-feira (12).

Durante a reunião, líderes indígenas cobraram por ações políticas e queixaram-se da falta de assistência quanto a alimentação, saúde. Alegaram ainda que há déficit na produção da agricultura familiar praticada nas aldeias, discurso endossado pelo deputado estadual Larte Tetila. “A principal tarefa da Funai está nas demarcações de terras e não sobram os recursos para outras ações. A água encanada e a energia elétrica que chegam nas aldeias são resultados de ações do Ministérios”, afirma o deputado.

Mandi enfatizou que a responsabilidade pelas comunidades indígenas é do Governo Federal. “Estamos à disposição para somarmos esforços e prestarmos auxílio no que tivermos conhecimento e potencial. Trabalhamos com técnicas de produção que privilegiam o desenvolvimento social e econômico do Estado. Nossa avaliação é de que a agricultura familiar deve integrar a rotina do indígena, com diversidade de culturas plantadas e consequentemente um cardápio mais nutritivo”, afirmou.

A mesa redonda foi promovida pela Ong Açúcar Ético. Além da Famasul, participaram da reunião representantes da Fundação Nacional do Índio (Funai), da Associação dos Produtores de Bioenergia de MS (Biosul), da Secretaria do Estado de Desenvolvimento Agrário e Produção (Seprotur), Bonsucro, Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Universidade Estadual de MS (UEMS), Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag) e outros líderes indígenas.

Fonte: Assessoria de Imprensa Sistema Famasul