Produtores rurais e técnicos da Bahia visitam Centro de Excelência e Embrapa de Gado de Corte

Produtores rurais e técnicos da Bahia visitam Centro de Excelência e Embrapa de Gado de Corte

Objetivo da agenda, que reúne integrantes da FAEB, Acrioeste e Prefeitura de Barreiras, é conhecer ações de inovação, pesquisa e capacitação voltadas à produção agropecuária

O presidente do Sistema Famasul, Mauricio Saito, recebeu, na manhã desta terça-feira (23), no Centro de Excelência em Bovinocultura de Corte, localizado na Embrapa, em Campo Grande, a visita de um grupo de técnicos e produtores rurais vindos do Oeste da Bahia. O objetivo da agenda é conhecer ações de pesquisa, inovação e capacitação desenvolvidas na unidade, voltadas à produção agropecuária de Mato Grosso do Sul.

A comitiva é formada por integrantes da FAEB (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia), Acrioeste (Associação dos Criadores de Gado do Oeste da Bahia) e Prefeitura de Barreiras, com forte vocação para o agro.

“Essa troca de experiências é muito importante. Com todos os cuidados de biossegurança, apresentamos as principais iniciativas desenvolvidas pelo Sistema Famasul, em parceria com importantes instituições de pesquisa, como a Embrapa, Fundação MS e Fundação Chapadão. Ciência e tecnologia, aliadas à formação técnica e perfil empreendedor no campo, são conceitos responsáveis pelo crescimento de um dos setores mais representativos da economia brasileira”, destacou Saito.

A agenda da manhã contou com apresentação do superintendente do Senar/MS, Lucas Galvan, sobre ações desenvolvidas no Centro de Excelência, bem como uma visita às instalações.

No período da tarde, pesquisadores da Embrapa Gado de Corte ministram palestras sobre economia aplicada, sistemas integrados, pastagens tropicais, produção e sanidade animal e o programa Geneplus. Na quarta-feira (24), o grupo conhecerá a Genética Aditiva Fazenda Canaã, na Estação Alcilândia.

“O intuito dessa visita técnica é conhecer iniciativas inovadoras desenvolvidas por especialistas em Mato Grosso do Sul. A pecuária, cada vez mais, desponta como novo vetor de crescimento econômico no Oeste baiano, já conhecida por ser um celeiro na produção de grãos, fibra e frutas”, destacou Leonardo Paulino, coordenador de Programas da FAEB.

Responsável por quase toda a produção de 8,8 milhões de toneladas de grãos do estado (IBGE), o oeste da Bahia possui grandes áreas disponíveis para o desenvolvimento de criações de bovinos, suínos e aves às margens do Rio Grande, que corta o território de 18 municípios, como Barreiras e Luís Eduardo Magalhães.

O vice-prefeito de Barreiras, Emerson Cardoso, e o vice-presidente da Acrioeste, Antônio Balbino de Carvalho, integram a comitiva.

Centro de Excelência – Inaugurado em março de 2018, o Centro de Excelência em Bovinocultura de Corte é uma referência, hoje, por contribuir com a competitividade e desenvolvimento da agropecuária brasileira. Por meio da oferta de cursos técnicos, a partir de uma rede integrada, multidisciplinar, a unidade tem como objetivo principal promover qualificação e formação técnica, incentivando o empreendedorismo e a inovação no campo.

“Hoje, com o nível elevado de tecnificação e sofisticação em suas operações, o agro brasileiro vem apresentando demandas específicas por mão de obra qualificada, com novo perfil profissional e habilidades dinâmicas. Oferecemos capacitação para que as pessoas aproveitem todas as oportunidades do promissor mercado do agro”, afirmou Mauricio Saito.

Nesses últimos três anos, foram 1,8 mil candidatos participando de 4 processos seletivos, com mais de 450 alunos matriculados. Mais de 67% dos alunos formandos da primeira do turma do Centro, em 2020, estão empregados.

Atualmente, são oferecidos o Curso Técnico em Agronegócio, Curso Técnico em Agropecuária, Curso Técnico em Fruticultura, além das aulas da Faculdade CNA – nos formatos presencial, EAD e híbrido.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul – Anahi Gurgel