Senar oferece capacitação no ‘corredor das frutas cítricas de MS’

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/MS – Sistema Famasul) oferece no município de Terenos, o curso de Plantio e Manejo Básico de Pomar – Cultivo de Citros. A capacitação, que busca incentivar o desenvolvimento da fruticultura na região, acontece na Associação Terra Boa, de 3 a 6 de setembro.

A região Leste-Central do Estado é intitulada ‘corredor das frutas cítricas’ por concentrar condições climáticas e solo adequado para o cultivo desse tipo de fruta. Atualmente, os municípios de Terenos, Aquidauana e Campo Grande se destacam no cultivo de citros em Mato Grosso do Sul. Entretanto, apenas 11% do consumo de frutas no Estado vem da produção local. Efeito disso é que Mato Grosso do Sul precisou importar em 2012, 180 mil toneladas de frutas.

Serão oferecidas para plantio cinco mudas de laranja, limão e poncã. O instrutor do Senar, Nestor Pereira, explica que a região de Terenos é propícia para o cultivo das frutíferas. “Os citros se desenvolvem adequadamente nas condições climáticas do leste de Mato Grosso do Sul, pois apresentam solo com fertilidade média a alta, altitude considerável e podem ser cultivadas durante o ano todo”, aponta.

Pereira destaca que passará aos participantes um questionário de planejamento contendo cinco perguntas: Quem vai plantar? O que plantar? Quanto plantar? Como plantar? Quando plantar? “Respondendo a essas cinco perguntas, eles poderão viabilizar corretamente as etapas de realização do cultivo do citro”, detalha.

No curso, serão levantados ainda, tópicos como tratamento fitossanitário, condições da planta, tratos culturais, preparação da área, condições de plantio, preparo de covas, finalização do plantio e, por fim, comercialização. “O produtor tem a alternativa de diversificar o processo de produção, seja ela pequena ou média”, destaca Pereira.

O Senar, que busca promover educação e conhecimentos no agronegócio, oferece, na primeira semana de setembro, mais 65 capacitações. Para conhecer os cursos oferecidos, é preciso ligar no 3320-9700 ou acessar ao site www.senarms.org.br.

Foto: Site Notícias do Campo

Fonte: Assessoria de Imprensa Sistema Famasul