Sindicato Rural de Bela Vista MS

O eleitor está mais ativo, diz presidente do Instituto Pensar Agropecuária

Na avaliação de Nilson Leitão as pesquisas eleitorais falharam em 2022 por não terem mudado suas metodologias

POR VIVIANE PETROLI, DE RONDONÓPOLIS (MT) -Canal Rural 

YouTube player

A disputa acirrada entre o atual presidente Jair Bolsonaro (PL) e Lula (PT) no primeiro turno mostra que o eleitor mudou o seu comportamento, enquanto as pesquisas eleitorais continuam com a mesma metodologia. A avaliação é do presidente do Instituto Pensar Agropecuária (IPA), Nilson Leitão.

Nilson Leitão é o entrevistado desta semana do programa Direto ao Ponto.

Eles [institutos de pesquisas] não estão conseguindo decifrar, buscar aquele eleitor mais escondido, indeciso, que deixa para decidir nos últimos dias”, frisa.

De acordo com Nilson Leitão, o momento é novo. “É um momento de polarização que nunca houve na história. As pesquisas falharam em sua metodologia”.

No primeiro turno o candidato petista recebeu 48,43% dos votos e o atual presidente 43,20%. Para o presidente do IPA, o segundo turno ainda está incerto.

Conforme Nilson Leitão, ao se olhar ainda para o primeiro turno se vê dois resultados distintos.

A minha análise do resultado presidencial é que o Lula teve uma vitória numérica em votos, com seis milhões à frente, mas o Bolsonaro teve uma vitória política. Ele elegeu 15 senadores de peso. Elegeu seis ministros do mandato dele, elegeu governadores”.