Sindicato Rural de Bela Vista MS

Sistema Famasul ajuda a transformar vidas no campo através da representatividade

Instituição tem cadeira em mais de 160 conselhos e colegiados que ajudam definir o futuro do agro

Sistema Famasul está presente em mais de 160 conselhos e colegiados que debatem e definem políticas públicas para o futuro do setor rural e de toda sociedade. Por isso, o #TransformandoVidas desta semana é especial e demonstra toda representatividade da instituição em âmbito municipal, estadual e federal.

“Dentre várias vertentes que o Sistema Famasul representa o produtor rural, temos conselhos dos setores econômico e social. Fazemos parte do conselho do FCO (Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste), da Indústria e do Concen (Conselho de Consumidores), por exemplo. São frentes que definem os recursos para investimentos, delibera incentivos fiscais e defendem o direito dos consumidores, que são os produtores rurais lá na ponta”, detalha José Pádua, gerente técnico do Sistema Famasul, que representa a instituição nesses três conselhos.

As questões ambientais também têm grande atenção do Sistema Famasul na participação desses colegiados.

“É onde são tratadas questões de meio ambiente e recursos hídricos, que impactam diretamente na vida do produtor rural. Nós estamos presentes em mais de 40 colegiados da esfera federal, estadual e municipal. Defendendo os interesses dos produtores nas discussões, apresentando dados técnicos, contribuindo para a construção de políticas públicas que podem afetar a cadeia produtiva, na vida e no trabalho dos produtores rurais”, comenta Ana Beatriz de Melo, consultora técnica do Sistema Famasul, que participa dos conselhos de meio ambiente.

Reafirmando a importância de se participar desses conselhos e colegiados, o Sistema Famasul criou há um ano o programa “Representantes do Agro”, que visa capacitar presidentes e diretores dos Sindicatos Rurais dos municípios de Mato Grosso do Sul para estarem presentes e preparados nesses debates.

“Na prática, a nossa equipe acompanha esses sindicatos rurais no estado, fazendo as capacitações e participando, para que eles tenham segurança de defender o setor agropecuário e propor essas pautas dentro dos colegiados. Nós buscamos que esses representantes fortaleçam o setor agropecuário e que também sejam ativos nas tomadas de decisões que interferem o setor”, conta Stéfani Kurose, analista de relações institucionais do Sistema Famasul.

O produtor rural e presidente do Sindicato Rural de Eldorado, Alexandre Junqueira, vê como fundamental essa participação em conselhos tanto como instituição, quanto como produtor.

“Nesses conselhos que são tomadas decisões que afetam a vida do produtor e de toda comunidade. Então o produtor rural precisa ter essa representatividade, porque se não tiver, pessoas que não entendem a sua realidade vão tomar decisões que vão afetar a sua vida”, afirma Junqueira.

Transformando Vidas – Toda sexta-feira o Sistema Famasul divulga uma reportagem sobre a atuação do Senar/MS e as suas transformações no campo. Confira outras histórias de sucesso no canal do YouTube e no site.

Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul – Leandro Abreu

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *